Arquivo da tag: Tecnologia

3.º FLISOL em Anápolis


Dia 28 de abril de 2012 no IFG campus Anápolis.

Anúncios

Profissão: Programador


Recentemente tive a oportunidade de ler na revista A Rede uma entrevista com Marcos Mazoni, atual presidente do SERPRO e pioneiro na utilização e divulgação do Software Livre no Brasil.

A entrevista é bastante interessante e merece ser lida por aqueles que se interessam pelo assunto Software Livre em geral.A última pergunta me chamou mais a atenção pois toca em um assunto que me desperta um grande interesse. A educação técnica e profissionalizante. Abaixo segue o trecho da entrevista ao qual estou me referindo:

“ARede – O que representa, para jovens que estão se formando no software livre, ter acesso a essas ferramentas e poder fornecer para o setor público?

Mazoni – Nas universidades, temos formação de profissionais da engenharia, da tecnologia da informação, análise de sistemas, tecnólogos. São esse que vão estar no campo da análise de requisitos, os chamados analistas de sistemas. A carência que o país e a sociedade mundial têm é da geração de código. Precisamos de mais programadores. Se tivéssemos mais programadores no Brasil, estaríamos até atendendo demandas externas. O que é isso? É o cara que gera o código. E nós estamos apostando na geração de código Java, nesta ferramenta. Eu, particularmente, sou fã de trabalhar tanto com Phyton quanto com PHP, mas tivemos que fazer uma opção e escolhemos o código Java. A possibilidade que a gente tem, nos telecentros e nos mais diferentes centros de formação fora do mundo acadêmico, é de ter uma força de trabalho para geração de código que vai poder, com essas ferramentas a custo zero, fazer trabalhos para o governo e para empresas privadas. A Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação do Ministério do Planejamento trabalha no sentido de reformular normas para que possam ser contratados só não sistemas totais, mas componentes desses sistemas como, por exemplo, uma solução de checagem de CPF. O mercado do governo seria então aberto a pequenos projetos desenvolvidos por essas pessoas em formação nos mais diferentes cantos do Brasil e não necessariamente no meio acadêmico. Nossa ideia é ir construindo um novo mercado de trabalho, de alta qualidade e baixo impacto ambiental, para que as pessoas possam ter emprego e renda a partir do software livre.”

Sou professor do curso Técnico em Informática em um Centro de Educação Profissional. Este curso tem por objetivo formar técnicos em informática com ênfase na área de programação. Fico feliz em saber que o setor público está à procura dos caras que geram código, pois é isso que nossos jovens alunos querem: PROGRAMAR. A maior parte do curso é ministrada através de linguagens e ferramentas livres. Nós professores, além do conhecimento técnico procuramos passar aos nossos alunos noções de trabalho colaborativo e valores como ética e cidadania.Valores estes encontrados na filosofia do Software Livre.

É bom saber também que haverá um mercado de trabalho promissor a espera destes jovens que logo irão terminar o curso técnico e esperam um “lugar ao sol” nesta que é uma área extremamente competitiva.

Quem quiser ler a entrevista na integra poderá fazê-lo diretamento no site da revista A Rede.

Curso: Tecnologias na Educação


Esta dica foi enviada pela professora Carla Betioli do NTE Municipal de Campinas. O Material é de um curso oferecido aos professores da rede municipal de ensino. Vale a pena conferir.

Unidade 1

Unidade 2

Unidade 3

Unidade 4

Mesa Interativa – Smart Table


A empresa Smart Technologies em breve irá lançar um produto chamado Smart Table, é uma mesa com tecnologia multi-touch igual a encontrada no iPhone, onde é possível interagir diretamente tocando na tela. Segundo o fabricante será possível que várias crianças possam interagir simultaneamente com a mesa através de jogos educacionais e/ou programas de aprendizado colaborativo.

Tecnologia e Educação


No próximo sábado (22/11) as 15:00 hs acontecerá o evento Descolagem no Núcleo Avançado em Educação – NAVE. O tema será Tecnologia e Educação : uma nova escola para um novo aluno e contará com as presenças de Paulo BliksteinLuli RadfahrerPatrícia Konder Lins e Silva

O evento é realizado pela Oi Futuro em parceria com Secretaria de Estado da Cultura

I Congresso de Tecnologias na Educação


 

I Congresso de Tecnologia na Educação

I Congresso de Tecnologias na Educação

 

Irá acontecer de 27 a 31 de outubro o I Congresso de Tecnologias na Educação, o evento será totalmente on-line e de forma assíncrona.

“O objetivo é oferecer um espaço para que professores e pesquisadores de todos os níveis de ensino, usuários das tecnologias em sala de aula ou em pesquisas, possam apresentar seus trabalhos e trocar experiências, que se refletirão na prática pedagógica. 

Os trabalhos aceitos para apresentação serão publicados nos Anais do Congresso, na Revista Tecnologias na Educação (ainda em fase de finalização).”

Minority Report virou realidade ?


Quem já viu o filme Minority Report deve lembrar que o personagem de Tom Cruise faz um “transplante” de olhos para escapar dos leitores biométricos e invadir a central pré-crime. Pois é, essa história de ler a íris dos olhos já não é mais ficção. A Panasonic lançou o BM-ET200, um leitor biométrico capaz de ler e capturar a imagem da íris do olho e fazer o reconhecimento do usuário em apenas 0.3 seg.

O aparelho possui 3 formas de funcionamento. A primeira chamada Stand Alone, consegue armazenar informações de até 50 pessoas, a segunda chamada Network consegue armazenar informações de até 5.025 pessoas e o terceiro chamado Server que chega a armazenar informações de até 10.025 pessoas.

Fonte: Site Boadica